quarta-feira, 14 de março de 2012

AS BENÇÃOS DO SENHOR ESTÃO SOBRE A FAMÍLIA


Os Sentimentos no Lar
TEXTO BASE: Dt 6.4,9

A família é a junção de todos os sentimentos e emoções possíveis, na família 
demonstramos afeto, desenvolvemos relacionamentos, e ao mesmo tempo brigamos, temos
 desavenças, tudo isso faz parte do conjunto de coisas que formam a família, mas esses problemas que encontramos não nos impedem de praticarmos o maior de todos os 
sentimentos, o AMOR. O AMOR vem acompanhado de gratidão e do compromisso de
 
cada membro da família em cuidar uns dos outros. Enquanto houver o exercício do AMOR
 conseguimos atrair a presença de Deus.
Há a necessidade de uma compreensão que a verdadeira formação de uma família feliz 
depende da presença do Senhor para um equilíbrio e direcionamento correto. Para isso devo 
Amar a Deus de todo o meu coração (Dt 6.5), quando amamos ao Senhor fica mais fácil para amarmos o nosso próximo, o amor a Deus é o combustível da felicidade, e isso inclui a obediência a devoção e a dependência total do Senhor.

Por onde começar?
O amor à Palavra de Deus é fundamental para uma orientação e direção da família, ela é o escudo contra todos os dardos inflamados do maligno que são atirados na família. Através do conhecimento da Palavra de Deus vem à formação do caráter, o conhecimento de Deus e a orientação para pai, mãe e filhos. Quando amamos a Palavra de Deus, ela torna-se referencial do nosso lar, ela fecha as portas da nossa casa para que o mal não entre e nem destrua o que temos como presente de Deus que é a construção do nosso lar (Dt 6-9). 
A Palavra de Deus deve ser ensinada aos nossos filhos, devemos falar Dela na rua, andar
 
com Ela nas mãos, guarda-la na nossa mente como fonte de vida e sabedoria (Dt 6:7).

Devemos ser gratos a Deus
Enquanto houver gratidão, haverá satisfação nos corações, devemos ser gratos primeiro a 
Deus por nos dar uma família, por gerar sentimentos maravilhosos que só podem vir de
 
Deus, isto inclui a gratidão pela promessa de bênçãos do Senhor sobre a família, gratidão
 
pelas riquezas que Deus nos tem acrescentando, gratidão pela salvação que o Senhor nos
 
concedeu. Com o sentimento de gratidão em evidencia conseguimos reconhecer que temos
 o melhor de Deus em nossas mãos. É um privilegio para qualquer pessoa viver em família “Deus faz que o solitário viva em família;”(Sl 68:6). 
Cada membro de uma família tem o compromisso de cuidar uns dos outros, mas também o 
compromisso com Deus em obedecer e reverenciá-lo como lhe é devido, tendo o temor, 
estando a serviço do Senhor, honrando-o com fidelidade, respeito e vivendo em retidão
 
conforme Ele tem determinado. Devemos lembrar que éramos escravos do pecado, mas o
 
Senhor com seu imenso amor nos libertou com mão forte, nos concedendo uma vida livre
 
de acusações e das práticas de pecados mortais. Os mandamentos do Senhor são para o
 
nosso bem, para edificação da família, para o nosso crescimento espiritual, para um
 
desenvolvimento de relacionamento profundo e duradouro. As regras que o Senhor impõe
 
são para nossa proteção.

Conclusão
Deus colocou o cristão em uma posição privilegiada que lhe permite viver rodeado de bens e alegrias, mas devemos ter consciência que a continuidade dessas bênçãos sobre a nossa vida e nossa família depende basicamente dessas condições; desenvolver o amor, enquanto o amor estiver em evidencia você verá a benção do Senhor sobre sua casa, enquanto você desenvolver a o sentimento de gratidão, você perceberá que Deus tem te agraciado mas do que você merece, e enquanto houver o compromisso em servir a Deus e cuidar uns dos outros você terá sua vitória.
  

NEM SEMPRE AS COISAS SÃO COMO GOSTARÍAMOS


Acredito que a saúde mental é sem duvida  o equilíbrio do corpo. em tempos em que o consumismo e a liberalidade estão cada vez mais tomando espaço em nossas vidas, somos envolvidos nesse ritmo crescente a ponto de perdermos o controle sobre as coisas que de fato traz saúde e equilibro mental as nossas vidas, mas acredito que o que mais proporciona os transtorno emocionais e que destroem as emoções saudáveis, são exatamente o que mais precisamos para esse equilíbrio, que a nossa família.
A família tem um papel de extrema importância para um ajuste nas emoções de uma pessoa, mas o que percebemos é que essa família tem estado meio que ausente e deixando oportunidade para as influencias do mundo moderno que vem sem reservas para nossas vidas, muitas dessas influencias são boas, mas a maioria delas são ruins. quando falamos em família estamos  nos referindo a um conjunto de pessoas que  tem uma ligação de sangue de unidade e acima de tudo de amor, mas quando falta nesse conjunto de pessoas a unidade e o amor, falta também o equilíbrio e a saúde mental.
Geralmente esses transtornos acontecem quando os casais não conseguem mais ter uma cumplicidade, ao contrario, as opiniões são diferentes, o que considero normal, mas geralmente quando isso acontece na maioria das vezes torna-se um problema difícil de resolver, até mesmo por que muitos acabam desenvolvendo uma agressividade por não ter sua opinião aceita ou respeitada, todo esse problema começa a atingir o  restante da família, os filhos percebem que onde eles poderiam ter segurança e apoio, na verdade percebem que não é possível diante de tantas desavenças, o que gera um sentimento de independência obrigatória, ou seja eles sentem que devem descobrir por conta própria como viver da melhor maneira possível, e acabam descobrindo da pior maneira que nem tudo que querem fazer traz resultados positivos para suas vidas.
Existe a necessidade de um bom relacionamento entre as pessoas de uma família para que possamos vencer os traumas e decepções que sofremos em meio as lutas pela sobrevivência e até mesmo pelo o desejo que temos de um  reconhecimento por parte da sociedade e até mesmo da família.
Diante de tantas coisas que envolvem  o nosso bem estar, bem como o desenvolvimento das nossas emoções saudáveis, tenho a convicção que a família é a base de todo o bem estar de um individuo, se há dificuldades em viver isso em família, podemos ainda sim desfrutar desses benefícios nos aproximando de Jesus, tenho certeza de uma coisa, Ele nunca vai me abandonar, e sempre terá uma palavra de ajuste para o desenvolvimento de uma mente saudável e um corpo equilibrado, talvez não consiga ter as coisas como gostaria, mas sei que o que Ele tem me dado é o melhor para minha vida.

 Deus nos abençoe

Pr. Valdenir Soares

O BOM SOLDADO DE CRISTO


O Soldado de Cristo é aquele que luta, passa pelas provações, tem ordens a serem cumpridas e é obediente às leis de Deus.

A bíblia diz:

"Sofre, pois, comigo, as aflições, como bom soldado de Jesus Cristo.
Ninguém que milita se embaraça com negócios desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra. E, se alguém também milita, não é coroado se não militar legitimamente." 
II Timóteo 2:3-5;

Três Aspectos do Soldado de Cristo

1º) Ele é treinado para exercer sua função.
Todo soldado antes de enfrentar a batalha é treinado, passa por simulações de combate, exercícios repetitivos e treinamentos físicos, tudo isso no intuito de ser preparado para o combate. Com o soldado de Cristo não é diferente ele é submetido a prova, porém o treinamento na vida cristã vem para o amadurecimento do crente. Não se pode ser um bom soldado se não passar por provações, pois é necessário passar pelas fases do treinamento, entretanto durante este treinamento o Senhor está do nosso lado e nos ajuda a enfrentar as dificuldades e marchar de cabeça erguida.

2º) O Soldado de Cristo sempre está disponível para a obra de Deus

Um soldado de Cristo deve estar sempre preparado, sempre vigilante, cumprir a palavra de 1ª Tessalonicenses 5:17 que diz: “ orai sem cessar”, para que esteja a todo momento disposto para a batalha. O combatente de Cristo deve estar fardado, revestido com a armadura de Deus, ele tem força, está sempre avante e nunca desisti.

3º) O bom soldado tem que fazer a sua parte

Fazer a sua parte é falar do amor de Deus, é manter um íntimo relacionamento com Ele, através da oração, da palavra e da comunhão.
Deus sempre traz bênçãos para nossa vida, mas também nós precisamos ter uma atitude, uma ação prática e eficaz no dia-a-dia para alcançarmos a vitória em Cristo Jesus.  

Pr. Valdenir Soares
  

A ALMA TRISTE ABATE O ESPÍRITO


Salmos 77
1 Levanto a Deus a minha voz; a Deus levanto a minha voz, para que ele me ouça. 2 No dia da minha angústia busco ao Senhor; de noite a minha mão fica estendida e não se cansa; a minha alma recusa ser consolada. 3 Lembro-me de Deus, e me lamento; queixo-me, e o meu espírito desfalece. 4 Conservas vigilantes os meus olhos; estou tão perturbado que não posso falar. 5 Considero os dias da antigüidade, os anos dos tempos passados. 6 De noite lembro-me do meu cântico; consulto com o meu coração, e examino o meu espírito.  7 Rejeitará o Senhor para sempre e não tornará a ser favorável? 8 Cessou para sempre a sua benignidade? Acabou-se a sua promessa para todas as gerações. 9 Esqueceu-se Deus de ser compassivo? Ou na sua ira encerrou ele as suas ternas misericórdias? 10 E eu digo: Isto é minha enfermidade; acaso se mudou a destra do Altíssimo? 11  Recordarei os feitos do Senhor; sim, me lembrarei das tuas maravilhas da antigüidade. 12 Meditarei também em todas as tuas obras, e ponderarei os teus feitos poderosos 13 O teu caminho, ó Deus, é em santidade; que deus é grande como o nosso Deus? 14 Tu és o Deus que fazes maravilhas; tu tens feito notória a tua força entre os povos. 15 Com o teu braço remiste o teu povo, os filhos de Jacó e de José. 16 As águas te viram, ó Deus, as águas te viram, e tremeram; os abismos também se abalaram. 17 As nuvens desfizeram-se em água; os céus retumbaram; as tuas flechas também correram de uma para outra parte. 18 A voz do teu trovão estava no redemoinho; os relâmpagos alumiaram o mundo; a terra se abalou e tremeu. 19 Pelo mar foi teu caminho, e tuas veredas pelas grandes águas; e as tuas pegadas não foram conhecidas.  20 Guiaste o teu povo, como a um rebanho, pela mão de Moisés e de Arão.

Há momentos que nos angustiamos, estamos abatidos, e sem entender por que estamos nos sentindo assim, na maioria das vezes somos movidos por pensamentos e sentimentos que nos deixam mais tristes e abatidos ainda, mas ao meditar nesse texto percebo algo revelador de Deus pra minha vida e para a vida daqueles que tem o Espírito de Deus.
Pra começar precisamos compreender que o fato de termos o Espírito Santo não significa que estamos isentos de termos momentos de tristeza e perturbações, no texto em salmos percebemos um homem de Deus, descrevendo o que está no seu coração, Asafe era diretor de música, ministrava no santuario do altíssimo, e mesmo assim ele descreve sua angustia e a necessidade de restauração da sua alegria e desejo pela vida, em muitas passagens Bíblicas vamos encontrar os heróis bíblicos, homens de grande fé, mas que em determinado momento foram tomados de angustia e perda da vontade de viver, isso nos mostra que não somos os primeiros a passarmos por uma crise emocional.
Tudo começa no emocional, afeta o espiritual e finaliza no corpo, causando males que em muitos casos levam as pessoas a cometerem loucura, perdem completamente o sentido da vida, não reconhecem a existência do Deus vivo e são acometidos de enfermidades que pode finalizar com a perda da vida.
A alma anela por refrigério, e esse refrigério vem do altíssimo, por isso precisamos buscar em Deus a completa felicidade nos guardando de sentimentos que trazem perturbações, um emocional fragilizado tem a capacidade negativa de permitir o crescimento da tristeza e conseqüentemente causa o abatimento do nosso espírito que por sua vez perde a comunhão com Deus, ao permitirmos a angustia abrimos portas para o sentimento de culpa, desejo de vingança, e sentimento de abandono. Somos motivados a pensar que estamos nesta situação por que não somos dignos de desfrutarmos dos benefícios que Deus nos proporcionou, quando isso acontece o diabo tem a oportunidade de alimentar ainda mais esse sentimento destrutivo que invade o nosso ser e destrói a esperança de que receberemos a vitoria que temos buscado em Deus, uma pessoa sem esperança não pode confiar na promessa de Deus, ela deseja agir por conta própria, uma das coisas mais comum também é a pessoa angustiada buscar responsabilizar alguém e claro alimenta a vingança no seu coração gerando uma crise emocional gigantesca, esta vingança dar-se pelo desejo de ver o outro em uma situação pior a que ele se encontra, aumentando também a sensação de abandono, começamos a pensar, estou sozinho, ninguém se importa comigo, nem mesmo Deus tem se importado comigo. Para uma pessoa que tem o Espírito Santo, é de suma importância que ela perceba que ela tem o que muitos gostariam de ter mais não sabem como ter, que é a presença real e gloriosa do Deus onipotente habitando no seu interior, invisível ao olho humano, porem presente e atuante na vida dessa pessoa. Se permitimos que o nosso espírito venha conduzir nossa alma, veremos as coisas de um modo mais otimista, teremos uma perspectiva mais positiva e com certeza vamos perceber que temos o privilegio impar para desfrutarmos das obras  maravilhosas que Deus criou, por que certamente o nosso espírito nos mostrará o milagre que Deus tem operado em nossa vidas, ele nos mostrará os livramentos que Deus nos tem dado dia após dia...
  
Pr. Valdenir Soares

quinta-feira, 8 de março de 2012

A PALAVRA DE DEUS É FONTE DEVIDA


TEXTO; Hebreus 4.12 - A palavra é o próprio Jesus revelado, Ela tem a capacidade de gerar mudanças na vida daqueles que a encontram, essa divisão é o processo de separação da carne com o espírito, precisa-se haver um entendimento que, a carne milita contra o espírito e ambos não podem andar de comum acordo, por isso á a necessidade do alimento do espírito que é a palavra de Deus...
O que devemos fazer para termos conhecimento e interesso especial pelo estudo da Bíblia? E quais os resultados desse conhecimento e interesso pela Bíblia? uma coisa podemos afirmar com precisão, Ela muda a vida daqueles que a buscam.

1. OS EFEITOS QUE A PALAVRA FAZ NA VIDA DE QUEM A BUSCA.
PRODUZ MUDANÇAS NO CARÁTER DAS PESSOAS.
É impossível uma pessoa meditar nas Escrituras e declara-se discípulo de cristo, e manter o mesmo caráter deformado de antes, a palavra nos conduz e nos constrange a vivermos uma vida centrada no perfil de cristo, é claro que isso não nos isenta de cairmos, a própria palavra diz; aquele que estar de pé cuidado para que não caia...

REVELA OS PROPOSITOS DE DEUS.
A Escritura é uma perfeição. Nada poderá substituí-la, Ela é infalível. Nela estar os propósitos de Deus para a vida do seu povo, cada desígnio, cada projeto... Deus nos mostra através da sua palavra o seu caráter, seu perfil, seu desejo. Em tudo que Deus estabeleceu, Ele estabeleceu propósitos e tudo isso estar revelado na sua palavra...

PROTEGE “é uma poderosa barreira contra a tentação”.
Quem tem a pratica de ter uma vida centrada pela palavra de Deus, estar protegido quando vier a tentação, a intimidade com a palavra fortalece o homem a continuar firme nos propósitos de Deus, ele sabe que não poderá decepcioná-lo, com isso permanece o senso de gratidão a Deus pela revelação, salvação e comunhão que Ele tem proporcionado...

LEMBRE-SE; A Bíblia é a PALVRA DE DEUS

2. A PALAVRA DEVE SER ENSINADA;

EM CASA PARA TODA A FAMÍLIA
A família é a célula máster da sociedade, nenhum grupo substituirá a família, é justamente o lugar onde se aprende o sentido do amor incondicional, e é justamente na família que Deus deseja estabelecer vínculos para uma edificação crescente, por isso a instrução e Deus para a família com relação a sua palavra é; medita Nela ao deitar-se e ao levantar-se...

NO TRABALHO
Um principio básico para o cristão é que onde ele estiver, ali haverá uma oportunidade impar de se falar desse grande amor de Jesus pela humanidade, somos orientados pela palavra de Deus a sermos servos dignos de confiança e honrosos para com os senhores “patrões”, essa atitude nos possibilita a darmos testemunho da transformação que um dia aconteceu na nossa vida, e conseqüentemente temos o privilegio de ensinar aos colegas o verdadeiro motivo da transformação... O amor de Jesus.

NA ESCOLA
Para muitos a escola é o lugar onde se passa a maior parte do tempo, isso quer dizer que temos a possibilidade de influenciarmos aqueles que estão ao nosso lado, não se pode desperdiçar oportunidades, por ser um lugar de formação educacional vale lembrar que a palavra de Deus é uma questão a ser debatida a luz da fé e da historia da humanidade, uma vez que Ela narra essa historia...

LEMBRE-SE; A Bíblia é a PALVRA DE DEUS

3. DEVE HAVER AMOR PELA PALAVRA DE DEUS.
O ser humano por si só não nasce com desejo de conhecer a palavra “Jesus”, mas quando se conhece essa palavra tem-se um apego a Ela, é o descortinar da verdade, é o descobrir do por que existimos, é o esclarecimento total e absoluto dos mistérios da vida, Ela é a luz que clareia o caminho de quem estar nas trevas, quando se tem esse esclarecimento tem-se a vida completa, sem mistérios, sem medo, sem incertezas... tem-se um amor genuíno por tudo que Ela relata, revela e profetiza... é impossível uma mente cheia de imagens fictícias, como as da televisão, internet e outras mais ter interesse em meditar na palavra de Deus.  
Jó fala do ímpio; “Jó 21.13,14” Na prosperidade gastam os seus dias e num momento descem á sepultura. E toda via, dizem a Deus: Retira-te de nós; por que não desejamos ter conhecimento dos teus caminhos.
II Timóteo 4.3,4 “Porque vira tempo em que não sofrerão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; e desviarão os ouvidos da verdade, voltando as fabulas.

LEMBRE-SE; A Bíblia é a PALVRA DE DEUS

Perceba que a palavra lhe proporcionou o conhecimento de Deus, ela tem instruções para uma vida equilibrada em todas as áreas da sua vida e nos mostra o amor na sua verdadeira essência...

Pr.Valdenir Soares

AS EXPERIENCIAS COM DEUS DEVEM SER MINHA MOTIVAÇÃO PARA PROSSEGUIR


Texto; I Re 19. 1,21

Itrodução; Muitos tem tido experiências com Deus, mas no primeiro momento de dificuldades esquecem do mover do Senhor nas suas vidas...

1. Ha momentos que achamos que não vamos conseguir prosseguir.

 VV.4 - E entrou no deserto, caminhando um dia. Chegou a um pé de giesta, sentou-se debaixo dele e orou, pedindo a morte. "Já tive o bastante, Senhor. Tira a minha vida; não sou melhor do que os meus antepassados”. 

·     O medo só nos leva aos desertos e cavernas. VV 19:3a - Elias teve medo e fugiu para salvar a vida. 
O Senhor nos alimenta “cuidados” e nos mandar prosseguir.  VV 7,8 - O anjo do Senhor voltou, tocou nele e disse: "Levante-se e coma, pois a sua viagem será muito longa".

Então ele se levantou, comeu e bebeu. Fortalecido com aquela comida, viajou quarenta dias e quarenta noites, até que chegou a Horebe, o monte de Deus.

2. Ha situações que estamos tão desmotivados que na primeira caverna que encontramos ali queremos permanecer.

VV 9 - Ali entrou numa caverna e passou a noite. E a palavra do Senhor veio a ele: "O que você está fazendo aqui, Elias? " 

·     Caverna é lugar de lamurias e auto-piedade “lamentações”.

VV 10 - Ele respondeu: "Tenho sido muito zeloso pelo Senhor, Deus dos Exércitos. Os israelitas rejeitaram a tua aliança, quebraram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada. Sou o único que sobrou, e agora também estão procurando matar-me". 

Devemos sempre lembra que DEUS não nos chamou para viver em cavernas, mas para vivermos o sobrenatural de Deus.

3.  Lugar de homem de Deus é no monte “na presença de Deus” e não em caverna.

VV 11a - O Senhor lhe disse: "Saia e fique no monte, na presença do Senhor, pois o Senhor vai passar". 

VV 11b – Então veio um vento fortíssimo que separou os montes e esmigalhou as rochas diante do Senhor, mas o Senhor não estava no vento. 
Veio um vento fortíssimo - se preciso for! Eu venho sobre ti como aquele que esmiúça rochedo.

VV 11c – Depois do vento houve um terremoto, mas o Senhor não estava no terremoto. 

Veio um terremoto - se preciso for! Eu venho a ti com força avassaladora. 

·     VV 12a  – Depois do terremoto houve um fogo, mas o Senhor não estava nele. 

      Veio um fogo - se preciso for! Eu venho a ti com força para consumir.

·     VV 12b - E depois do fogo houve o murmúrio de uma brisa suave.        

      Veio uma brisa suave – mas hoje Eu venho a ti com a suavidade do meu amor “paz, animo, restauração de comunhão”...

Conclusão;  com base nisso concluo que precisamos amadurecer conforme os dias as experiências que já tivemos com Deus, e recebendo o renovo diário pelo relacionamento que temos com Deus...
·     A experiência que você já teve com Deus tem servido para lhe fortalecer?
·     Você tem andado pelos desertos e cavernas?
·     Ou você tem se dado conta de que estar no monte de Deus?

Pr. Valdenir soares

quarta-feira, 7 de março de 2012

JESUS VEIO NOS SALVAR DA CONDENAÇÃO ETERNA

Texto: Efésios 2.1,10 

INTRODUÇÃO; A carta aos Efésios, conhecida como a carta das regiões celestiais, é uma carta que aborda os grandes dilemas da vida humana, como, pecado, vitoria em meios as dificuldades, morte e graça salvadora. Quando lida e meditada com o auxilio do Espírito Santo, ela consegue trazer direção e convicção do chamado de Deus através do sacrifício de Jesus Cristo para a vida de quem almeja a revelação de Deus. A vivificação do homem é o resultado da graça abundante de Deus que lhe foi concedida, alcançando com isso por meio do arrependimento e confissão de fé em Jesus Cristo como senhor e salvador a justificação e assegurando a salvação eterna. Com isso o texto nos mostra as condições para que se possa ser considerado salvo... 

1. PARA SER SALVO É PRECISO RECEBER Á INTERVEÇÃO DIVINA DA SALVAÇÃO. Essa intervenção divina está relacionada a graça que só pode vir de Deus, ou seja Jesus Cristo deu-se em sacrifício para conceder a aqueles que crêem no seu nome a salvação eterna, o que o homem pode fazer mesmo se tratando da graça (favor imerecido), é arrepender-se dos seus pecados, para que mediante esse arrependimento venha o perdão de Deus, arrepender-se é reconhecer que somos pecadores (injustos), e carentes de Deus. Em LUCAS 5.32 Jesus disse; Eu não vim chamar justos, mas pecadores, ao arrependimento. Arrependimento não é o peso de consciência nem remoço por infringir regras, mas é o constrangimento do amor de Deus que produz sentimentos de desagradarão a Deus e a si mesmo, mas que leva a pessoa a voltar atrás com sinceridade de coração e certeza de não praticar mais os mesmo erros. Em II CORÍNTIOS 7.10 O Apostolo Paulo diz; Porque a tristeza segundo Deus opera arrependimento para a salvação, o qual não traz pesar; mas a tristeza do mundo opera a morte. Na intervenção de Deus o homem consegue nascer de novo, ou seja, ser Vivificados espiritualmente é algo que humanamente falando é impossível, mas pela graça soberana de Deus, por meio de Jesus Cristo esse milagre acontece na vida daqueles que reconhecem e recebem a Jesus como Senhor e salvador. Jesus diz em JOÃO 3.5 - Em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O novo nascimento deve acontecer pela condição de pecador em que o homem se encontra antes da regeneração. EFÉSIOS 2.1 - Ele vos vivificou, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados. A vivificação ou novo nascimento, se dar pela presença majestosa de Deus na vida do homem espiritual, o grande onipotente, o supremo criador de tudo e todas habitando dentro de um ser antes morto espiritualmente, mas agora regenerado, justiçado, transformado e salvo. ISAÍAS 57.15 - Porque assim diz o Alto e o Excelso, que habita na eternidade e cujo nome é santo: Num alto e santo lugar habito, e também com o contrito e humilde de espírito, para vivificar o espírito dos humildes, e para vivificar o coração dos contritos. 

2. NINGUÉM É SALVO PELAS OBRAS (Boas ações). A muitos enganos sobre a doutrina salvação de Deus para o homem, entre elas é muito comum, a crença de que as obras podem abrir as portas dos céus para que essa pessoa possa ali passar a eternidade, mas uma coisa é certa, SÓ JESUS PODE NOS DAR SALVAÇÃO, Ele é Deus único que não pode ser manipulado por obras. JUDAS 1.25 - ao único Deus, nosso Salvador, por Jesus Cristo nosso Senhor, glória, majestade, domínio e poder, antes de todos os séculos, e agora, e para todo o sempre. Amém. As obras praticada, seja segundo a lei, ou boas obras para o os outro, não modifica o projeto e propósito de Deus da justificação pela fé, antes estávamos mortos nas nossa ofensas, mas fomos vivificados por meio da fé, e essa fé certamente produzirá boas obras. EFÉSIOS 2.5-8,9 – Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos), Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie.II TIMÓTEO 1.8,9 - Portanto não te envergonhes do testemunho de nosso Senhor, nem de mim, que sou prisioneiro seu; antes participa comigo dos sofrimentos do evangelho segundo o poder de Deus, que nos salvou, e chamou com uma santa vocação, não segundo as nossas obras, mas segundo o seu próprio propósito e a graça que nos foi dada em Cristo Jesus antes dos tempos eternos, Deus se revelou a través da sua PALAVRA e ela ABRE OS OLHOS DO HOMEM natural, ela tira a cegueira espiritual, trazendo clareza e convicção do chamado de Deus a santidade, mas muitos não ouvem essa palavra de revelação, rejeitando dessa forma a luz que clareia a escuridão da ignorância, deixando de receber a fé que vem de Deus. ROMONOS 10.16,17 - Mas nem todos deram ouvidos ao evangelho; pois Isaías diz: Senhor, quem deu crédito à nossa mensagem?Logo a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Cristo. 

CONCLUSÃO; O que opera a salvação é a graça (favor imerecido) de Deus mediante a fé (vv 5,8) isso incluem os seguintes passos; Chamada ao arrependimento, a fé, recebimento do Espírito Santo na pessoa, gerando santificação. Devemos ter em mente que a misericórdia de Deus nos alcançou. ROMANOS 3.24,28 - Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; sendo justificados gratuitamente pela sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus, ao qual Deus propôs como propiciação, pela fé, no seu sangue, para demonstração da sua justiça por ter ele na sua paciência, deixado de lado os delitos outrora cometidos; para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja justo e também justificador daquele que tem fé em Jesus. Onde está logo a jactância (orgulho)? Foi excluída. Por que lei? Das obras? Não; mas pela lei da fé. Concluímos, pois que o homem é justificado pela fé sem as obras da lei. 

                           Pr. Valdenir Soares Lima